Dar sangue – Tudo o que precisa de saber para salvar vidas

Quem pode dar sangue? Em que consiste a colheita de sangue? Que sangue pode receber? Saiba estas e outras perguntas no artigo de hoje.

Doar um pouco do seu sangue é saudável para si e pode salvar vidas! Além de gratuito, dar sangue é um dever de todos os cidadãos! Nunca sabemos quando nós ou alguém de quem gostamos vai precisar, não é mesmo?

 

Quem pode dar sangue?

Todas as pessoas saudáveis, com mais de 18 anos e com um peso superior a 50kg são potenciais dadores de sangue. Após uma breve triagem, saberá se está com condições de saúde suficientes para dar um pouco do seu sangue.

 

Quantas vezes por ano se pode dar sangue?

Os homens podem contribuir com o seu sangue de 3 em 3 meses, enquanto que as mulheres podem fazê-lo a cada 4 meses.

 

O que fazer antes de dar sangue?

  • Deve hidratar-se com água ou chás, no dia anterior e no dia da dávida.
  • Evite períodos prolongados de exposição solar.
  • Deverá tomar o pequeno-almoço se der sangue pela manhã.
  • Se der sangue após o almoço, aguarde 3 horas até completar a digestão.

 

O que fazer depois de dar sangue?

  • Continue a hidratação.
  • Evite períodos prolongados de exposição solar.
  • Evite fazer exercício-físico.

 

Porquê dar sangue?

A sua dádiva é importante. Existem muitas crianças e adultos que carecem de sangue ou dos seus componentes, seja por vítimas de acidentes de trabalho ou rodoviários ou para aquelas pessoas que aguardam pelo seu tipo de sangue para serem operados.

 

Eu já tive doenças no passado, posso ser doador?

Pode esclarecer essa dúvida junto do médico assistente. De todas as formas, ao oferecer-se para dar sangue, será sujeito a um pequeno exame clínico de forma a saber se pode ou não doar sangue, tudo isto para garantir a sua saúde e bem-estar.

 

O sangue que vou doar não me fará falta?

Não. Um adulto normal tem cerca de 5 a 6 litros sangue. Uma pessoa saudável pode dar sangue regularmente sem que isso lhe afete a saúde. Na dádiva de sangue serão recolhidos cerca de 450 mililitros de sangue, ou seja, cerca de 10% do volume total de sangue do seu organismo.

 

O meu tipo de sangue será mesmo necessário?

Todos os tipos de sangue são necessários, até os mais comuns. Lembre-se sempre que você pode um dia precisar do seu tipo de sangue.

 

Tenho receio de dar sangue…

A maior parte das pessoas sentem medo de dar sangue na sua primeira dádiva. Pouco depois esse receio desaparece e a dádiva de sangue torna-se algo simples e normal. Pode observar a descontração das pessoas que regularmente vão dar sangue e tire as suas conclusões.

 

Alguns dadores de sangue

 

O sangue pode ser vendido?

A venda ou comercialização de sangue está proibida por lei. Apenas podem ser cobradas as despesas relativas ao processamento de sangue, ou seja, os custos do material e exames de laboratório, mas a sua dádiva de sangue é gratuita.

 

Ficarei fraco após doar o meu sangue?

As proteínas e as células sanguíneas são rapidamente repostas na circulação sanguínea após a dádiva de sangue. Momentos depois de doar sangue, pode voltar às suas tarefas habituais. Existem apenas algumas atividades, como pilotos de avião, maquinistas de comboio ou mergulhadores que deverão regressar às suas atividades apenas algumas horas depois da dádiva.

 

Este ano já dei sangue, posso repetir?

Pode sim. Os homens podem doar sangue de 3 em 3 meses e as mulheres de 4 em 4 meses, com base nos estudos científicos realizados e da vasta experiência de recolha de sangue.

 

Existem muitas pessoas que dão sangue, porque também tenho que dar?

Apesar de existirem muitas pessoas que dão sangue, existe cada vez mais uma maior procura de sangue, dos seus componentes ou derivados. As necessidades terapêuticas dos doentes exigem cada vez mais dadores, ou seja, pessoas saudáveis como você.

 

Tenho pouco tempo livre. Quanto tempo é necessário para a colheita de sangue?

A inscrição, triagem clínica, colheita e uma pequena refeição, duram cerca de trinta minutos. Se pensar no bem que está a fazer a tantas pessoas, vai compreender que esses 30 minutos foram bem empregues. Pode escolher o dia e hora que mais lhe convier. Podemos até deslocar-nos ao seu local de trabalho, se quiser colaborar conosco, divulgando a ideia de doar sangue e motivando alguns colegas a dar também o seu sangue.

 

Podem impedir-me de dar sangue?

Sim, podem. Por essa mesma razão, é realizada a triagem clínica, de forma a avaliar o seu estado geral de saúde, para salvaguardar a sua saúde e a saúde do respetivo receptor de sangue.

 

Se necessitar um dia de sangue, terei acesso ao sangue que necessitar?

Claro que sim. Todos os cidadãos, independentemente da sua situação económica ou social, têm acesso à utilização terapêutica do sangue, seus componentes e derivados. Não se esqueça que cabe a si, como pessoa e cidadão, reconhecer o dever social de contribuir para as necessidades coletiva de sangue. Para tudo funcionar na perfeição, o sangue deve aguardar pelo doente e não o contrário.

 

Quais são as compatibilidades dos vários tipos de sangue?

Se o seu sangue é RH +

  • A+ 
    • Pode receber sangue A+, A-, O+, O-
    • Pode doar sangue A+, AB+
  • B+
    • Pode receber sangue B+, B-, O+, O-
    • Pode doar sangue B+, AB+
  • O+
    • Pode receber sangue O+, O-
    • Pode doar sangue O+, A+, B+, AB+
  • AB+
    • Pode receber todos com RH+ e RH-
    • Pode doar sangue AB+

Se o seu sangue é RH-

  • A-

    • Pode receber sangue A-, O-
    • Pode doar sangue A-, A+, AB-, AB+
  • B-
    • Pode receber sangue B-, O-
    • Pode doar sangue B-, B+, AB-, AB+
  • O-
    • Pode receber sangue O-
    • Pode doar para todos RH+ e RH-
  • AB-
    • Pode receber todos com RH-
    • Pode doar sangue AB-, AB+

 

E agora, sente-se mais preparado para dar sangue ou já é um dador de sangue?



Gostou? Partilhe...

Deixe aqui o seu comentário...

Apenas o nome e email são de
preenchimento obrigatório e não serão revelados.

Comentários ofensivos ou de conteúdo não enquadrado
com o artigo/site não serão aprovados.

1 Trackback

  1. […] […]